Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

5 motivos pelos quais o fiasco do Mazembe é pior que a derrota do Grêmio para o Del Valle

Colorado deu vexame em 2010 e isso foi bem pior do que perder para o Del Valle

0

- Publicidade -

O Grêmio perdeu duas vezes para o Independiente del Valle e foi eliminado na pré-Libertadores. De fato, não era uma situação esperada pela torcida, mas o fiasco foi menor do que a partida do Internacional contra o Mazembe, no Mundial de 2020.

É provável que você também goste:

Grêmio usará a Copa Sul-Americana como laboratório

Confira todos os jogadores do Grêmio inscritos na Sul-Americana 2021

Atacante Luiz Fernando fica de fora da Sul-Americana e pode deixar o Grêmio

Reunimos 5 motivos que provam isso. As duas derrotas foram feias, é verdade, mas a do tricolor foi menos pior. Entenda:

Derrota para o Mazembe foi muito pior que a queda para o Del Valle

  1. Inter foi o primeiro sul-americano derrotado na semifinal do Mundial

- Publicidade -

O Inter tinha tudo para ser bicampeão do mundo, faltou combinar com o Mazembe. Foi a primeira vez na história que um time da América do Sul ficou de fora da decisão. Depois tiveram mais casos, mas o primeiro será sempre lembrado.

  1. Brasileiros já perderam na pré-Libertadores

Diferente do rival, equipes brasileiras já haviam perdido na pré-Libertadores, o Corinthians duas vezes, o São Paulo e a Chapecoense. Portanto, a eliminação do tricolor foi a quinta de um clube do país.

  1. O Del Valle foi campeão continental há menos de dois anos

- Publicidade -

O Independiente del Valle não é um time qualquer, foram campeões da Sul-Americana em 2019. Além disso, em 2020 aplicaram uma goleada de 5 a 0 no Flamengo pela fase de grupos da Libertadores.

  1. A torcida gremista não gastou dinheiro com viagens

Muitos colorados compraram passagens para Abu Dhabi, parceladas em diversas vezes. E viram o fiasco ao vivo no Oriente Médio. Pelo menos a torcida tricolor não gastou nada com viagens.

  1. Kidiaba e o MazembeDay

Quem não lembra do goleiro africano quicando para comemorar os gols? Isso entrou para a história do Mundial de Clubes! Sem falar no MazembeDay, que até hoje é lembrado não apenas pelos gremistas.

Enfim, gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Fadi Al-Assaad/Reuters

Comentários do Facebook

- Publicidade -