Benfica aumenta proposta por Everton para 22 milhões de euros

O atacante Everton já está com um pé no Benfica, de Portugal. A proposta inicial do clube português foi de 18 milhões de euros, após isso, aumentaram para 20 milhões. Agora, o Benfica aumenta proposta por Everton para 22 milhões de euros (R$ 137,7 milhões) e o negócio deverá ser finalizado na tarde desta terça-feira (04).

É provável que você também goste:

Venda de Everton pode ser concretizada em reunião nesta terça

Everton é vendido para o Benfica por R$ 152 milhões, diz jornalista

Como e onde assistir o GreNal 426 pela final do returno do Gauchão 2020

Confira a escalação do Grêmio para o GreNal 426 no Gauchão

Benfica aumenta proposta por Everton para 22 milhões de euros

Inicialmente, o Grêmio queria 30 milhões de euros pelo jogador de 24 anos. Entretanto, com a pandemia, o presidente Romildo Bolzan Jr admitiu vender o jogador por menos. O Benfica ofereceu 20 milhões de euros, recusados pelo Grêmio. Então, os portugueses resolveram aumentar para 22 milhões de euros a proposta. A reunião desta terça deverá marcar além dos detalhes finais da negociação, a chance do Grêmio conseguir lucrar ainda mais futuramente.

Na reunião, quem representará o Benfica será o empresário brasileiro Giuliano Bertolucci, que já havia se reunido com Romildo na última segunda-feira. Apesar d ejá ter retornado para São Paulo, mais uma conversa será feita por videoconferência.

A negociação começou a evoluir após a chegada de Jorge Jesus no Benfica. O treinador português tem grande admiração pelo futebol de Everton e pediu sua contratação. Além disso, o desejo de Everton em se transferir para a Europa é grande. Os dirigentes do Grêmio sabem que será muito difícil evitar sua saída.

O Grêmio tem 50% dos direitos econômicos de Everton. Coma ideia de lucrar ainda mais por sua parte, o Grêmio não descarta fazer um acordo com os empresários Gilmar Veloz e Celso Rigo, que detêm 30% e 10%, respectivamente.

Outra possibilidade para o Grêmio garantir um lucro maior pelo jogador, seria colocar gatilhos no contrato. Assim, se o jogador for atingindo as metas, o tricolor gaúcho iria lucrando. Algo parecido com o que ocorreu na venda de Arthur para o Barcelona.

Tudo deve ser definido nesta terça-feira (04), inclusive, se Everton jogará ou não o GreNal 426 pela final do returno do Gauchão 2020.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA