Últimas Notícias do GrêmioCampeonato

CBF aguarda documentos de Textor sobre ESCÂNDALO de arbitragem e Grêmio fica de olho

O STJD abriu inquérito sobre o caso

Grêmio Botafogo John Textor
Imagem: Vitor Silva/Botafogo/Divulgação

Textor faz graves acusações às arbitragens no Brasil e CBF aguarda provas

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não ativou o protocolo que prevê o compartilhamento imediato de informações com a Polícia Federal quando a entidade se depara com suspeitas de corrupção no futebol. Na última sexta-feira (08), o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) anunciou a abertura de um inquérito para investigar as denúncias feitas pelo proprietário de SAF de rival do Grêmio.

As acusações feitas pelo dono da SAF do Botafogo, John Textor, ganharam notoriedade quando, em declarações públicas, ele afirmou possuir provas gravadas que indicariam a manipulação de resultados, com árbitros supostamente recebendo propinas. O empresário destacou anteriormente que as gravações incluem áudios nos quais juízes expressam insatisfação por não terem recebido os pagamentos prometidos.

Leia mais:

Últimas do Grêmio: nova proposta por Pedro Henrique, renovação com Ronald, situação de Caíque e mais

Renato pede mais tempo para que titular do Grêmio fique 100%

A unidade de integridade da CBF opera continuamente nessas questões, mas até o momento não foi acionada, pois a entidade alega não ter recebido nada do empresário ou do STJD. A ativação desse protocolo dependerá da apresentação de provas por parte de Textor, conforme declarado pela CBF.

Confira as polêmicas acusações de Textor

“Alguém dizer que não há corrupção no Brasil, quando eu tenho juízes gravados reclamando de não terem suas propinas pagas… Talvez a CBF não devesse me processar. Eu não acusei o Ednaldo (Rodrigues, presidente da CBF). Nunca disse nada sobre ele. Ele não é um corrupto. Ele é um homem que comanda uma organização que provavelmente precisa administrar melhor a corrupção externa. Porque é uma batalha contra fatores externos. É uma batalha que existe e está aqui. Houve manipulações e erros em 2021, 2022, 2023, e nós temos provas.”

 

Imagem destaque: Vítor Silva / Botafogo FR

Gabriel Borba

Jornalista, pós-graduado em Jornalismo Esportivo e setorista do Grêmio (@gborba05).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo