CampeonatoÚltimas Notícias do Grêmio

CBF surpreende e marca reunião extraordinária em data SURREAL para debater paralisação do futebol

A entidade parecer ter decidido o futuro dos clubes gaúchos

Brasileirão CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Drible da CBF: Reunião marcada em data absurda para debater paralisação do futebol

No mundo do futebol, decisões inesperadas e reviravoltas são tão comuns quanto um drible desconcertante de um craque em campo. E foi exatamente isso que testemunhamos quando a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou uma reunião extraordinária em meio a uma controvérsia que abala os gramados do Rio Grande do Sul.

Em um movimento que deixou muitos boquiabertos, a entidade marcou a tal reunião para o dia 27 de maio, às 14h, justamente a data em que as equipes gaúchas teriam para voltar aos gramados. Uma manobra que, para muitos, soa mais surreal que um gol de bicicleta aos 90 minutos do segundo tempo.

Leia mais:

Líder da Série A, Athletico-PR muda de ideia acerca da paralisação do Brasileirão

CBF envia ofício para os clubes e exige resposta sobre paralisação do Brasileirão

Por que parar o futebol Brasileiro ?

No dia 7 de maio, a CBF decidiu pelo adiamento de todas as partidas envolvendo times gaúchos, por conta das tragédias que ainda assola o Rio Grande do Sul, com números alarmantes de mortes, desalojados e municípios afetados pelas intempéries.

Os clubes do Sul clamavam por uma pausa no campeonato até o dia 27, buscando tempo para lidar com as adversidades enfrentadas e buscando ajuda dos outros times também para olhar para o RS com solidariedade. No entanto, a federação surpreendeu ao convocar uma reunião para o limite do prazo.

Desta forma, o campeonato brasileiro não ira parar e os times gaúchos seguirão sem alternativas para a competição que segue.

 

Imagem destaque: Lucas Figueiredo/CBF

Natalia Fontoura

@natifontouraf Repórter, redatora e setorista do Grêmio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo