Últimas Notícias do GrêmioOpinião

COLUNA PG | A falta de alinhamento dos dirigentes do Grêmio com a realidade

Grêmio Antônio Brum Alberto Guerra
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

O torcedor tricolor espera por mais

O Grêmio abriu o ano de 2024 com um discurso preocupante. Além de alegarem falta de dinheiro para maiores contratações, os dirigentes do Imortal têm convicção de que o time de Renato Portaluppi possui uma base sólida, na medida em que foi vice-campeão do Brasileirão 2023.

Leia mais:

Últimas do Grêmio: Balotelli, renovação com Villasanti, Soteldo e mais

BOMBA: Soteldo ‘chega chegando’ e deve ter nova função no Grêmio

Isto é extremamente alarmante, visto que o grande craque da equipe no ano passado era Luis Suárez, que transferiu-se para os Estados Unidos. É certo que o Tricolor possui bons nomes como Marchesín, João Pedro, Kannemann, Villasanti, Pepê, Cristaldo, Soteldo e Nathan Fernandes.

No entanto, apesar de qualificados, alguns destes jogadores citados ainda não são totalmente consolidados, o que deixa o torcedor desconfiado. João Pedro, por exemplo, lesiona-se muito. Kannemann já está mais desgastado por causa da idade. Cristaldo acabou o ano como reserva, sendo contestado.

Tudo isso somado à falta de elenco e um sistema defensivo comprometedor, que tomou uma infinidade de gols no Brasileirão 2023. Figuras como Rodrigo Ely, Bruno Uvini e Reinaldo acabaram o ano com atuações lamentáveis, não dando esperanças ao torcedor de que o quadro defensivo possa mudar.

Onde está a ambição do Grêmio?

Outro fator diz respeito ao limite financeiro que o Grêmio estabeleceu para 2024. Segundo o presidente do Grêmio Alberto Guerra, o clube gaúcho não tem muito mais espaço na folha para grandes reforços. E por qual razão renovamos com Galdino, André Henrique e Bruno Uvini, presidente?

São jogadores que custaram dinheiro, enchem a folha e não resolvem os problemas do time. A torcida fica confusa pois o mesmo Guerra fez milagre ano passado com uma situação financeira muito pior. No início de 2023, mesmo praticamente quebrado, o Imortal investiu forte pra ser competitivo. Mas em 2024 parece que isso mudou, sendo que vários times com problemas financeiros gravíssimos estão se reforçando com qualidade.

Por qual razão a direção deu a entender que haveria investimento forte novamente e agora o discurso mudou? A torcida está confusa e preocupada!

Daniel Vidal

Gremista jornalista formado no Olímpico Monumental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo