Últimas Notícias do GrêmioOpinião

COLUNA PG | Uma derrota que expõe carências claras no Grêmio

Grêmio x Caxias
Imagem: Luiz Erbes / Caxias

Tricolor precisa de jogadores para competir em alto nível

A derrota do Grêmio para o Caxias na estreia do Gauchão 2024 evidenciou muitas carências no elenco tricolor para a temporada. Apesar da razoável atuação do Imortal, especialmente no quesito tático, a carência técnica de alguns jogadores saltou aos olhos da torcida.

E não só a falta de qualidade, como também a ausência de opções, visto que nem centroavante o Grêmio tinha no banco de reservas na partida. É unanimidade que o time de Renato possui alguns bons nomes no elenco: Caíque, Marchesín, João Pedro, Gustavo Martins, Geromel, Kannemann, Villasanti, Pepê, Cristaldo, Soteldo e Nathan Fernandes são bons jogadores.

Alguns deles, como Caíque, Gustavo Martins, Villasanti e principalmente Soteldo, foram muito bem na partida de estreia no ano. No entanto, figuras como Cristaldo e Nathan Fernandes, que atuaram muito mal contra o Caxias, não são totalmente consolidados, o que diminui ainda mais o número de jogadores confiáveis do plantel.

O Grêmio é obrigado a contratar para o restante do ano

Dito isso, fica clara a carência técnica e numérica do elenco gremista. Não é porque foi vice do Brasileirão que o conjunto se torna ótimo (um exemplo disso é a fraca equipe de Celso Roth em 2008).

O time de Renato, atualmente, tem os fracos Rodrigo Ely e Bruno Uvini como reservas imediatos para a zaga, visto que há uma indefinição em relação à Geromel. Há também o péssimo Reinaldo, que não joga bem há 6 meses. Everton Galdino, um jogador extremamente limitado tecnicamente, é titular do ataque neste momento, assim como o inexistente João Pedro Galvão.

O ineficiente Nathan Pescador é o reserva para a armação, que não é suprida com confiança por Cristaldo. Carballo, Fábio e André Henrique são os reservas imediatos em suas respectivas posições. Como competir por algo com um plantel tão carente e capenga como este? É impossível.

Por mais que a equipe se porte razoavelmente bem em campo, faltam jogadores com um estofo maior, que decidam partidas e se imponham nas dificuldades. Caso o clube gaúcho não contrate, o time de Renato não chegará nem perto de lutar por títulos em 2024. Que a direção não seja omissa nesse sentido, pois isto é inaceitável em um clube do tamanho do Grêmio.

Imagem de destaque: Lucas Uebel/Grêmio

Daniel Vidal

Gremista jornalista formado no Olímpico Monumental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo