Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Confira o ranking das maiores vendas de jogadores do Grêmio da história

Venda de Pepê é a terceira mais cara da história do clube gaúcho

- Publicidade -

O atacante Pepê  foi vendido para o Porto, o Tricolor confirmou oficialmente a venda do jogador ontem (18). Os valores da tratativa anunciados pelos dois times mostra que Pepê foi uma das maiores vendas do Grêmio, ficando em terceiro lugar no ranking de vendas mais caras do clube.

É provável que você também goste:

5 Maiores artilheiros do Grêmio na década de 2010

3 Nomes ganham força para reforçar o Grêmio na temporada 2021

Clubes da Série A demonstram interesse em volante do Grêmio

- Publicidade -

Grêmio foi um dos times que menos perdeu bilheteria durante a pandemia

Renato pode mudar a formação para o jogo contra o Athletico-PR

Confira o ranking das maiores vendas de jogadores do Grêmio da história

A venda do atacante ficou atrás somente de Arthur e Everton Cebolinha e a assinatura de seu contrato que dura cinco anos recebeu R$ 15 milhões de euros (equivalente a quase R$ 98,6 milhões).

- Publicidade -

O Grêmio faturou 20 milhões de euros (com a cotação da época, o equivalente a R$ 128,2 milhões) com a venda do antecessor de Pepê – o atacante Everton – no ano de 2020. Vale lembrar que o Tricolor tinha 65% do jogador (menos do que os 70% de Pepê), e ainda assim, o time gaúcho arrecadou  13 milhões de euros (R$ 83,3 milhões).

No entanto, a venda mais cara da história gremista continua sendo a do meio-campista Arthur. O jogador foi vendido para o Barcelona em 2018 por nada menos que 30 milhões de euros (R$ 140 milhões). Foi incluído ainda em seu contrato, um plano de metas que gerou um lucro de mais 2 milhões (R$ 8,8 milhões) de euros para o Grêmio.

Confira o ranking com as cinco maiores vendas da história do Tricolor (com a cotação do real da época da venda):

  1. Arthur — Barcelona: 30 milhões de euros (R$ 142 milhões)
  2. Everton — Benfica: 20 milhões de euros (R$ 128,2 milhões)
  3. Pepê — Porto: 15 milhões de euros (R$ 98,6 milhões)
  4. Pedro Rocha — Spartak Moscou: 12 milhões de euros (R$ 45,2 milhões)
  5. Tetê — Shakhtar Donetsk: 10 milhões de euros (R$ 42,5 milhões)

- Publicidade -

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Reprodução/El País

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter
Assine nossa Newsletter e fique por dentro das últimas notícias do Gremio
Você pode assinar a nossa newsletter a qualquer momento

- Publicidade -

Comentários
Carregando...