Últimas Notícias do GrêmioCalendárioCampeonato

Dirigente do Grêmio dispara contra o Palmeiras acerca de paralisação do Brasileirão

Palmeiras se mostrou contra a paralisação do campeonato

Vice presidente do Grêmio Eduardo Magrisso
Imagem: Redes socias de Magrisso (Vice presidente Eduardo Magrisso)

Dirigente do Grêmio fala sobre ‘a grandeza’ de Palmeiras

O Palmeiras recebeu uma resposta contundente do vice-presidente do Grêmio, Eduardo Magrisso, após a polêmica declaração sobre a paralisação do futebol brasileiro devido à tragédia no Rio Grande do Sul.

Na semana passada, o diretor de futebol do Palmeiras, Anderson Barros, posicionou-se contra a suspensão dos jogos, sugerindo que outras soluções deveriam ser encontradas para apoiar o estado do RS. Em entrevista ao programa, Apito Final, da Rádio Bandeirantes, Eduardo Magrisso não escondeu sua decepção e classificou as manifestações dos dirigentes do Palmeiras e Flamengo como “egoístas”.

“A gente não coloca como se fosse uma questão de Libra e Liga Forte [ser a favor ou contra da paralisação], as ligas existem por outras razões. A gente recebe com dor as manifestações dos dirigentes desses clubes, a gente esperava outro tipo de atitude, mas ainda tem tempo de serem demovidos dessa posição e entenderem que o equilíbrio técnico do campeonato é bom para todos”,

 

Leia mais:

Grêmio viaja para São Paulo e começa os treinamentos nesta manhã no CT do Corinthians

Confira a programação e rotina de treinamentos do Grêmio em São Paulo

5 clubes foram contra a paralisação da competição

Magrisso também criticou a postura dos clubes, destacando que esperava “grandeza” das diretorias do Flamengo e Palmeiras:

“Nossa esperança é que eles se deem conta de que essa posição não faz bem. A gente espera grandeza de quem é grande. Tenho certeza que essas mensagens chegam de alguma forma às diretorias principalmente de Flamengo e Palmeiras, e eles reconsiderem”

A questão da paralisação dividiu opiniões entre os clubes do Brasileirão. Cinco times se posicionaram contra a suspensão dos jogos: Bahia, Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Vitória. A tragédia no Rio Grande do Sul, que motivou a discussão, gerou um debate sobre a solidariedade e a responsabilidade dos clubes em momentos de crise.

 

Imagem destaque: Cesar Greco/Palmeiras/by Canon

Natalia Fontoura

@natifontouraf Repórter, redatora e setorista do Grêmio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo