Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Douglas Costa: o bom filho à casa torna

O retorno do atacante ao tricolor gaúcho

- Publicidade -

Na primeira década dos anos 2000 (década da estreia de Douglas Costa), o Grêmio encontrava-se em um dos momentos mais tenebrosos financeiramente da história do clube. Atolado em dívidas naquele período, o tricolor gaúcho chegou a cair para segunda divisão e teve que fazer um condomínio de credores para conseguir quitar o alto déficit que se acumulava nos cofres do clube, ano após ano.

- Publicidade -

É provável que você também goste:

Douglas Costa recusou salário de R$ 2,5 milhões para assinar com Grêmio

 

Torcedores sobem #AnunciaGrêmio e pedem agilidade da direção

Douglas Costa é do Grêmio! Juventus confirma o negócio

- Publicidade -

Na época, a torcida foi um dos principais alicerces que mantiveram a instituição em atividade. Após a frustração de um vice-campeonato da Libertadores em 2007, o tricolor gaúcho foi obrigado a se desfazer dos seus melhores jogadores, entre os quais, o volante Lucas Leiva e o meia Carlos Eduardo, ambos vendidos para o futebol do exterior. Sem conseguir a classificação para a competição continental no ano seguinte, foi necessário reduzir os custos da folha de pagamento, obrigando o clube a montar um time modesto.

Ano de estreia de Douglas Costa pelo Grêmio

Sem as receitas da Copa Libertadores da América, o Grêmio fez alterações no perfil de contratações para ano de 2008. Com poucas exceções como o meia Tcheco, o time mudou em várias posições de um para o outro. Sem dinheiro e sem grandes pretensões para a temporada, o tricolor gaúcho apostou em jovens das categorias de base.

Com nomes como os volantes Adilson, Rafael Carioca e William Magrão, os do lateral Anderson Pico e do meia Douglas Costa subiram para a equipe principal. Comandados pelo técnico Vagner Mancini, e posteriormente por Celso Roth, a direção gremista agregou ao elenco alguns jogadores ainda em ascensão na carreira, como por exemplo, o goleiro Victor, o zagueiro Réver, o meia Souza e o atacante Jonas.

- Publicidade -

Enquanto isso, o maior rival, Internacional, empilhava títulos. Porém, após um primeiro semestre desastroso, sendo eliminado precocemente no Gauchão, o Grêmio se viu em meio a disputa do título do Campeonato Brasileiro de 2008. Batendo de frente com equipes com poder de investimento muito maior, como São Paulo, Internacional e Fluminense, o Imortal Tricolor chegou perto de conquistar o brasileirão daquele ano.

Considerado uma joia forjada no clube, o meia atacante Douglas Costa tinha 18 anos quando estreou pelo Grêmio em 2008. Emendando um petardo na entrada da área, o meia fez seu primeiro gol no time profissional na vitória de 2 a 1 sobre o Botafogo, com a torcida entoando seu nome dentro do estádio Olímpico, em seu primeiro jogo vestindo a camisa gremista. Após o jogo, o atleta deu uma entrevista emocionada sobre ter a oportunidade de atuar em seu clube do coração.

“Sempre estive ali onde estão os torcedores. Sou gremista desde pequeno. Fazer um gol na minha estreia é muito importante”, afirmou Douglas Costa na saída de campo na partida contra o Botafogo pelo Campeonato Brasileiro de 2008.

2009 venda para o futebol europeu

- Publicidade -

Eram tempos de escassez de dinheiro, portanto o Grêmio precisava vender jogadores para sanar as dívidas acumuladas. Mesmo classificado para disputar a libertadores de 2009, o clube dependia quase que exclusivamente de negociar os jogadores revelados nas categorias de base para conseguir garantir um mínimo de estabilidade financeira.

Entre os pratas da casa mais cobiçados pelo futebol europeu, estava o meia atacante Douglas Costa. Ainda que tenha feito poucas partidas no time titular na época, era evidente a grande qualidade do jogador em campo. Com o intuito de ajudar aliviar o aperto dos cofres, o atleta acabou sendo vendido ao Shaktar Donetsk, da Ucrânia, por 6 milhões de euros (cerca de R$14,9 milhões na cotação da época), consequentemente ajudando o clube na recuperação financeira.

A iminente volta para o Grêmio em 2021

Com uma carreira consolidada no futebol europeu e na Seleção Brasileira, o meia atacante Douglas Costa volta ao clube onde cresceu, retornando mais de 10 anos após sua saída para sua casa. Nascido em Sapucaia do Sul, cidade da região metropolitana de Porto Alegre, o jogador é gremista desde pequeno e chegou ao tricolor gaúcho com 11 anos de idade.

- Publicidade -

Em um gesto absolutamente surpreendente nos dias atuais, abrindo mão de propostas salariais milionárias de outros clubes, Douglas Costa mostrou que o dinheiro não é maior que o amor que sente pelo Grêmio. Para voltar ao clube do coração, foi próprio jogador que tomou a iniciativa e procurou os dirigentes do tricolor gaúcho para abrir as negociações.

Claro que para a maior parte da população, R$ 1,5 milhão por mês é uma quantia exorbitante, porém, para um atleta de primeiro nível no futebol mundial não é muito. Com um valor acessível para o Grêmio, certamente a contratação de Douglas Costa significa estar entre um dos maiores clubes do América do Sul, sendo o meia um representante do torcedor dentro de campo. Afinal de contas, aqui é a tua casa, guri!

Enfim, gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

- Publicidade -

Comentários
Carregando...