Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Ex jogador do Grêmio, técnico do Brasiliense diz ter “grande carinho” pelo clube

Vilson Taddei passou pelo Grêmio entre 1980 e 1982.

- Publicidade -

Grêmio e Brasiliense se enfrentarão pela primeira vez na história na tarde desta quarta-feira (2). A partida é válida pela ida da terceira fase da Copa do Brasil e será disputada na Arena.

- Publicidade -

É provável que você também goste:

Joia do Grêmio de R$ 252 milhões recebe o mesmo tratamento que Messi

Grêmio usará fonte padronizada do Brasileirão nos uniformes

Grêmio terá novidades no meio de campo contra o Brasiliense

- Publicidade -

Ex jogador do Grêmio, técnico do Brasiliense diz ter “grande carinho” pelo clube

A partida marca o reencontro do técnico Vilson Taddei com o Grêmio. O comandante da equipe do Distrito Federal jogou no Grêmio entre 1980 e 1982.

“Tenho pelo Grêmio um grande carinho. Todos jogadores que trabalharam comigo e tiveram oportunidades de irem para o Grêmio, eu sempre dizia: “Quando tiverem a oportunidade de jogar no Grêmio, não pensem duas vezes. Vão gostar demais do Grêmio”. Tenho uma relação boa com o torcedor. Nessas andanças minha pelo Brasil afora, tem gaúcho pelo Brasil inteiro, todos me tratam bem, até com reverência. É muito bacana.”

Vilson esteve presente em uma das últimas partidas do Estádio Olimpíco e até hoje não conhece a Arena:

- Publicidade -

“Última vez que estive aí foi no fim do ciclo do Olímpico, no Gre-Nal. Naquela oportunidade, seu Verardi estava vivo, foi gratificante. Não conheço a Arena. Vou conhecer agora. Estou curioso para conhecer. Quero comparar ela com o estádio do Monterrey, novo, palco para a Copa de 2026. Tenho essa curiosidade, ver qual o mais bonito. Se o Grêmio for mais bonito, tiro o chapeú.”

Vilson conta como chegou no Grêmio, diz que se arrepende de ter deixado o clube e jogou com Renato uma vez:

Taddei Grêmio

“Estreei no Coritiba, chegando numa segunda-feira e na quarta jogávamos contra o Grêmio no Brasileiro de 80, quando fiz um gol. Aí surgiu um interesse. O Grêmio me contratou em definitivo com o seu Hélio Dourado e o Rafael Bandeira. Duas pessoas que possuo um carinho especial. Cheguei ao Grêmio com dificuldade. Depois surgiu a oportunidade de me firmar como titular, aí não dei mais chances para ninguém. Tinha um monte de meia bom, mas não dei chances. Fui embora porque as coisas aconteceram. Eu tinha contrato com o Grêmio até o final de 82. É uma das coisas que me arrependo de ter feito. Eu não deveria ter tomado essa atitude de ir embora. Deveria ter cumprido o contrato. Acabei indo embora e aceitando a proposta do Santa Cruz. Com Renato, joguei em 82 quando perdemos para o Flamengo, foi 1 a 0. Foi o único jogo. Logo em seguida, uns 20 dias depois, fui embora para o Santa Cruz. Digo que me precipitei.”

- Publicidade -

Pelo Grêmio, Vilson Taddei foi Campeão Brasileiro e Gaúcho em 1980. Como técnico do Brasiliense, Campeão da Copa Verde (2020) e do Candangão (campeonato do Distrito Federal, 2021).

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: André Gomes/Brasiliense FC

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter
Assine nossa Newsletter e fique por dentro das últimas notícias do Gremio
Você pode assinar a nossa newsletter a qualquer momento
Comentários
Carregando...