Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Felipão afirma que postura do time do Grêmio não pode ser passiva

Treinador explicou que a derrota foi um balde de água fria no psicológico dos jogadores

- Publicidade -

Tomando o segundo gol nos minutos finais, o Grêmio foi derrotado por 2 a 1 contra o São Paulo na noite de sábado e se manteve atolado na zona da degola do Campeonato Brasileiro. Ocupando a 19ª posição na tabela de classificação e a crise no tricolor gaúcho se aprofunda. Apesar da decepção do resultado negativo, ofuscou a atuação razoável da equipe diante de um forte adversário.

- Publicidade -

Felipão afirma que postura do time do Grêmio não pode ser passiva

Inscreva-se no YouTube

Na entrevista coletiva após a partida, o técnico Luiz Felipe Scolari identificou problemas relacionados ao fator emocional do time do Grêmio em campo. O treinador explicou que a derrota foi um balde de água fria no psicológico dos jogadores e que isso foi crucial para mais um insucesso que o tricolor gaúcho carrega na bagagem na competição.

“Precisamos trabalhar e mudar nosso sentido anímico em campo e fora. Nós temos de ter raiva do adversário, saber que o adversário é o final do mundo, temos de jogar todo o jogo como se fosse o último. Nesse momento, tempos de jogar com ânimo, com determinação, com mais vontade, mais garra, mais pegada. Vamos tentar mudar essa situação de um jeito ou outro, colocando A ou B, mudando esquema, porque não queremos perder da forma como perdemos hoje (sábado)”, afirmou o comandante da casamata gremista.

Com o brasileirão afunilando cada vez mais, o Grêmio mais uma vez se mostrou pouco efetivo para criar chances de gol. Mesmo que a produção do time tenha melhorado desde chegada de Felipão, o time parece sem ambição para vencer. O treinador gremista comentou sobre a necessidade de reagir o mais rápido possível e superar as dificuldades.

- Publicidade -

“Temos de fazer eles entenderem o quanto é importante um ponto, principalmente contra um adversário direto. Estamos tentando, mas é uma situação um pouco diferente do que a gente pode imaginar. Quando vamos dar um salto de confiança, tem uma derrota, jogamos bem contra o Bragantino, mas em uma bola, levamos o gol. Temos de ter outro tipo de postura para que comece um caminho mais sólido”, ressaltou o técnico Felipão.

Complementando o raciocínio anterior, o comandante gremista enfatizou que a postura do time não pode ser passiva diante das dificuldades que a partida impõe contra um adversário forte como o São Paulo.

“Falta ser mais cascudo, mais brigão pelo resultado. Qualquer ponto é importante, quando temos um espírito diferente, vamos na bola como se fosse à bola final. Nesse momento, precisamos ter esse estilo e não estamos tendo”, sublinhou o treinador gremista.

Com a luz no fim do túnel a cada rodada mais distante, o Grêmio ocupa a penúltima colocação no Brasileirão e parece patinar a cada rodada. Sem conseguir sair dessa situação, a equipe gremista vive um filme de terror com a possibilidade de cair para a segunda divisão. De acordo com o técnico Felipão, o time precisa melhorar o aproveitamento nas jogadas ofensivas quando tem a oportunidade.

- Publicidade -

“A gente tem que ter uma situação onde crie mais ou pelo menos não deixe o adversário criar. A gente tem que criar uma situação melhor na tabela, porque por enquanto a gente não respira”, salientou o técnico Luiz Felipe Scolari.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

- Publicidade -

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.