CampeonatoJogadoresÚltimas Notícias do Grêmio

Grêmio goleia o Riopardense e assume a vice-liderança na Copa FGF

O Grupo de Transição do Grêmio voltou a campo na tarde desta quarta-feira (10) para mais um duelo extremamente importante pela Copa FGF. Em partida da 9ª rodada da competição, o Tricolor goleou o Riopardense 6 a 0, com gols de Alison Calegari, Kevin, Jhonata Varela (3x) e Rafael Costa.

Com a vitória, a equipe dirigida por Cesar Lopes assume a segunda colocação do Grupo C, agora com 18 pontos somados. No sábado (13), o Grêmio encara o 12 Horas, às 11h, no CT Hélio Dourado, em duelo atrasado da 7ª rodada da disputa.

Confira como foi o duelo entre Riopardense e Grêmio pela Copa FGF

Primeiro tempo de Riopardense e Grêmio pela Copa FGF

O Grêmio iniciou o jogo gerando incomodo a defesa do Riopardense, encurralando o time adversário em seu campo defensivo por cerca de 15 minutos. Dentro disso, conseguiu levar perigo em boas articulações pelos lados.

Com o trio de ataque formado por Guilherme Beléa, Juan Christian e Émerson, o técnico Cesar Lopes optou por atuar por ter um time que trabalharia em velocidade. No entanto, o Imortal só conseguiu abrir o placar pelo alto. Aos 9’, o volante/meia Lusinho cobrou escanteio no capricho, e o zagueiro Alison Calegari subiu mais que todo mundo para abrir o placar em Porto Alegre. 1 a 0 para o Grêmio.

Após o tento, o Tricolor seguiu no campo de ataque e passou a arriscar mais com finalizações de Guilherme Beléa e Émerson, além de bons e perigosos cruzamentos de Vitinho e Juan Christian.

No entanto, fiel as suas convicções e estratégias, o Peixe ficou à espreita dos contra-ataques, que foram inexistentes ao longo do primeiro tempo. O grande destaque do time nos minutos iniciais foi o goleiro Lucas, que fez boas intervenções e salvou o time quando foi exigido.

Com as linhas ainda mais avançadas, o Grêmio quase ampliou o marcador. Aos 28’, Guilherme Beléa recebeu pela esquerda e deixou com Rafael Barbosa, que chegou batendo de chapa, a bola explodiu na trave e na sobra Émerson só cutucou para o gol. Entretanto, o atleta estava à frente no lance e a arbitragem marcou o impedimento.

O jogo se manteve da mesma forma até o apito final, com o Tricolor assumindo o protagonismo das ações ofensivas, mas sem conseguir materializar as chegadas em mais tentos. Já o Riopardense, permaneceu acuado e especulou alguns contragolpes sem sucesso. Fim da primeira etapa: Riopardense 0x1 Grêmio.

Segundo tempo de Riopardense e Grêmio pela Copa FGF

A etapa complementar iniciou da melhor maneira possível para o Tricolor. Logo no primeiro minuto, em sua primeira chegada, o time gremista ampliou o marcador. Em cobrança de escanteio a meia altura do lateral Vitinho, o centroavante Kevin, que entrou no intervalo, chegou desviando de cabeça no primeiro poste e correu para o abraço.

E não demorou muito para o Grêmio voltar a marcar. Aos 5’, o Grêmio fez uma verdadeira blitz. Wesley, Gazão e Kevin finalizaram em sequência, mas nas três tentativas o goleiro Lucas, do Riopardense, salvou o time, no entanto, na sobra do lance, o volante Jhonata Varela, que havia entrado também no intervalo, chegou batendo forte e rasteiro, e superou o arqueiro do Peixe. 3 a 0 para o Imortal.

Grêmio transformou sua superioridade no jogo em goleada

Assim como na primeira etapa, o Tricolor seguiu ocupando o campo defensivo do time de Rio Pardo, que pouco fez. Com este desenho definido, o time de Cesar Lopes fez mais um. Aos 20’, o zagueiro Rafael Costa, transformou a vitória em goleada, após testar firme em mais uma cobrança de escanteio.

Dentro disso, o Imortal seguiu dominando o confronto em sua totalidade, tanto que foi às redes mais duas vezes. Aos 25’, Ericson cobrou lateral direto para Jhonata Varela, que estava livre pela intermediária ofensiva. Ele dominou, ajeitou e soltou a bomba de fora da área, sem chance alguma de defesa para o arqueiro Lucas. 5 a 0 para o Grêmio.

Aos 32’, o Tricolor dilatou ainda mais o placar. Bem no jogo, o volante Jhonata Varela, recebeu novamente pela faixa central, arrastou em direção a grande área, fez a tabela com Kevin e, ao receber na frente, só tirou do goleiro do Riopardense. Grande apresentação do time gremista na segunda etapa.

Antes do término do confronto, o Peixe conseguiu levar perigo em uma das suas poucas chegadas. Em jogada individual, Chamahk fintou os defensores gremistas e finalizou, mas a bola foi a linha de fundo. Fim de papo no Sesc Protásio Alves: Ripardense 0x6 Grêmio.

Escalações:

Riopardense: Lucas; Brust (Renanzinho), Yuri, Marcos e Chamahk; Igor, Luciano (Vitor) e Sidnei; Luis Gustavo (Tharyk), Paquetá e Lidio. Técnico: Jonathan Demari.

Grêmio: Adriel; Eriscon (C), Alison Calegari, Rafael Costa e Vitinho; Gazão, Luisinho (Jhonata Varela) e Rafael Barbosa (Rivas); Guilherme Beléa (Kevin), Juan Christian (Wesley) e Émerson. Técnico: Cesar Lopes.

Enfim, gostou da notícia?

Então, se inscreva no YouTube e nos siga em nossas redes sociais como o TikTok, Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Rodrigo Fatturi / Grêmio

Eduardo Bento

Jornalista e apaixonado por futebol e suas táticas de jogo

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo