grêmio redução salarial aos jogadores

A crise financeira causada pela pandemia acertou em cheio os principais clubes do país e o Grêmio não ficou de fora dessa. O tricolor gaúcho já havia feito um acerto com os jogadores, referente aos direitos de imagem do mês de março. Entretanto, o clube deverá tentar enxugar ainda mais os gastos para que possa sobreviver à crise. Assim, Grêmio deve propor nova redução salarial aos jogadores. É uma situação que ainda está sendo analisada mas não está descartada.

É provável que você também goste:

Por onde andam os campeões da libertadores pelo Grêmio em 1983

Grêmio pode envolver jogadores para ter o meia Carlos Sánchez

Lenda do Barcelona critica ex-volante do Grêmio Arthur

Grêmio deve propor nova redução salarial aos jogadores

As negociações estão sendo feitas pelo próprio presidente gremista, Romildo Bolzan Jr. O mandatário tricolor ainda está sendo auxiliado pelo CEO do clube, Carlos Amodeo e também por KlausS Câmara, executivo de futebol do Grêmio.

Anteriormente o Grêmio já havia feito um acordo em relação aos direitos de imagem, mas Romildo acredita que agora, o clube poderá fazer uma redução salarial temporária dos jogadores:

”Naquele primeiro momento, achávamos que com um diagnóstico de três meses poderia ser suficiente. Talvez não seja”, revelou o presidente.

A alegação feita pelo presidente tem como pontos principais as grandes perdas de receitas que o clube vem tendo:

”O nível de arrecadação que trabalhamos naquele momento não correspondeu inteiramente ao nível de arrecadação que veio depois. Contratos (de fornecedores e patrocinadores) foram suspensos, diminuídos e renegociados. O Grêmio, da mesma forma, renegociar vários contratos, mas aquilo que significa a perda está muito maior do que significa a retirada do fluxo de caixa das nossas despesas.”

A próxima semana será decisiva para que o Grêmio tome as novas medidas. Será realizada uma reunião por videoconferência com o Conselho de Administração do clube. Essas novas medidas deverão ser tomadas pra diminuir os impactos da crise no mês de junho. Os cálculos ainda estão sendo estudados pelos envolvidos e não foram repassados aos parceiros da direção.

Ao menos a estratégia inicial já deu uma boa aliviada nas finanças do clube gaúcho, pois, os direitos de imagem de abril, serão pagos apenas em 2021. Porém, para que o tricolor gaúcho mantenha uma boa saúde financeira, talvez a ampliação nos cortes de gastos seja o ideal para evitar maiores prejuízos.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Deixe um comentário