Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Grêmio vence o Ceará e ganha fôlego na luta contra o rebaixamento

Diego Souza e Ferreira marcaram os gols do Grêmio.

- Publicidade -

O Grêmio voltou a vencer no Campeonato Brasileiro e ganhou fôlego na luta contra o rebaixamento. Com gols de Diego Souza e Ferreira, ainda no primeiro tempo, o Grêmio bateu o Ceará por 2 a 0.

- Publicidade -

Primeiro tempo

Os primeiros minutos foram de pressão do Ceará na saída de bola do Grêmio. Com estreia do técnico Tiago Nunes, que conhece bem o elenco do Grêmio, os cearenses sabiam que o Grêmio iria partir pra cima e, por isso, pressionou e conseguiu anular as primeiras investidas do Grêmio.

A primeira chegada do Grêmio, que finalizou 10 vezes na primeira etapa, foi aos 24 minutos. Lucas Silva lançou para Diego Souza, que escorou de cabeça na entrada da área para Ferreira. O atacante dominou e chutou firme, para boa defesa do goleiro Richard, que estava bem posicionado.

- Publicidade -

O jogo era duro, com o árbitro sendo conivente com algumas chegadas mais fortes do Ceará, sem apresentar o cartão amarelo. Quando a partida se encaminhava para o apito final da primeira etapa, o Grêmio conseguiu abrir e ampliar o placar.

O primeiro saiu com Diego Souza, aos 43 minutos, em belo cruzamento de Alisson. Alisson cruzou alto, no segundo pau, por cima da defesa cearense. Diego Souza, um exímio cabeceador, tirou do goleiro, no cantinho: Grêmio 1 a 0. O segundo, aos 45, foi de Ferreira. Vanderson cruzou a bola na área e a defesa tentou afastar, mas no pé de Ferreira. Dominou, puxou pra direita e chutou forte, a meia altura. A bola pegou no pé da trave e foi morrer no fundo das redes.

E foi isso na primeira etapa, Grêmio 2 a 0.

Segundo tempo

- Publicidade -

Com a vantagem no placar, o Grêmio deu a bola para o Ceará, esperando para encaixar um contra ataque e garantir os três pontos. A primeira chegada foi do Grêmio, com Ferreira. Em jogada individual, deu uma caneta no adversário e entrou na área. Marcado novamente, puxou para direita e chutou colocado, mas a bola passou longe do gol de Richard.

Com a bola, o Ceará tinha mais a posse de bola, mas não conseguiu levar perigo para o goleiro Gabriel Chapecó. Em cobranças de falta e escanteios, ganhou alguns duelos no jogo aéreo, mas em nenhum conseguiu acertar a meta de Gabriel Chapecó.

Felipão e Tiago Nunes mexeram bastante. Tiago procurando o empate e Felipão promovendo fôlego novo para a equipe. Uma das mudanças de Felipão, para a surpresa de todos, foi a entrada de Everton Cardoso, até então treinando em separado. O atleta não entrava em campo há cerca de três meses.

Mas o placar seguiu como terminou a primeira etapa, Grêmio 2 a 0 Ceará. Na saída de campo, Diego Souza falou sobre a importância da vitória:

- Publicidade -

“O mais importante foi a vitória. Fizemos o que treinamos. Tivemos 10 dias para trabalhar. Na situação que nos encontramos, há pressão. Sabíamos a dificuldade do jogo. O Tiago conhece nossa equipe, mas conseguimos envolver e fizemos um grande primeiro treino. Fizemos o dever de casa. Tem muito campeonato pela frente. Continuar nesta pegada. Temos condições de sair e, quem sabe, lá na frente pensar em algo melhor”.

Com a vitória, o Grêmio vai a 19 pontos e fica apenas três atrás dos clubes de fora da zona de rebaixamento.

O Grêmio volta a campo (ou não) na quarta-feira (15). Contra o Flamengo, a partida vale pela volta das quartas de final da Copa do Brasil 2021. O Grêmio não quer entrar em campo, pois o Flamengo ganhou na justiça o direito de ter torcida na partida. Contudo, os clubes haviam acordado que, caso não houvesse torcedores na primeira partida, na segunda também não deveria ter.

Pelo Brasileirão, o Grêmio volta a campo no próximo domingo (19), às 20h30, também contra o Flamengo.

- Publicidade -

Ficha técnica de Grêmio 2 a 0 Ceará

Grêmio 2×0 Ceará
Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS);
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP);
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP);
Árbitro de Vídeo: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP);
Gols: Diego Souza (43’/1T) e Ferreira (45’/1T).

GRÊMIO: Gabriel Chapecó; Vanderson, Ruan, Rodrigues e Rafinha (Cortez); Thiago Santos, Lucas Silva e Alisson (Everton Cardoso); Jhonata Robert (Villasanti), Ferreira (Léo Pereira) e Diego Souza (Borja).
Técnico: Luiz Felipe Scolari

CEARÁ: Richard; Gabriel Dias, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fernando Sobral (Marlon), Fabinho, Vina (Yoni Gonzalez) e Lima (Rick); Mendoza (Erick) e Jael (Cléber).
Técnico: Tiago Nunes

- Publicidade -

Enfim, gostou da notícia?

Então, se inscreva no YouTube e nos siga em nossas redes sociais como o TikTok, Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

- Publicidade -

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.