Últimas Notícias do Grêmio

Ídolos do Grêmio mandam recado e mobilizam doações para o Instituto Geração Tricolor. Participe!

Valores serão destinados aos bairros da Comunidade TRI

Grêmio Grupo Lucas Leiva
Imagem: Lucas Uebel/ GFBPA/ Divulgação

Em meio às enchentes, ídolos históricos do Grêmio convocam população para ajudar os atingidos pelas enchentes

O estado do Rio Grande do Sul enfrenta uma das piores crises devido às recentes enchentes que afetaram mais de 2 milhões de pessoas. Em resposta a essa tragédia, o Grêmio está arrecadando mantimentos e recebendo contribuições financeiras via PIX para ajudar a população atingida.

Nessa missão de solidariedade, ídolos históricos do Tricolor como Lucas Leiva e Ancheta vieram a público, utilizando as redes sociais do clube, para convocar a comunidade a se unir em auxílio às vítimas das inundações. Os números impressionam e, infelizmente, aumentaram: segundo o Boletim das 12h divulgado pela Defesa Civil-RS, já são 79.540 pessoas em abrigos, 538.241 desalojados, 806 feridos, 127 desaparecidos e 147 óbitos confirmados.

Leia mais:

Palmeiras bate o martelo e opina sobre paralisação do futebol brasileiro

Vice de futebol do Grêmio solta o verbo contra a CBF por conta de reunião polêmica

Para viabilizar a ajuda financeira, o Imortal disponibilizou o PIX do Instituto Geração Tricolor (IGT) através da chave CNPJ 12.985.967/0001-59, permitindo que qualquer pessoa contribua com o valor que puder. Além disso, o clube também organizou três pontos de coleta para arrecadar itens essenciais, garantindo que as necessidades imediatas dos afetados sejam atendidas.

Confira os pontos de coleta estabelecidos pelo Grêmio

  • Estádio Olímpico: Largo Patrono Fernando Kroeff, nº 1, das 9h às 18h;
  • Hotel do Grêmio (Park Plaza Moinhos): Rua Dr. Timóteo, 577, aberto 24 horas;
  • CT Feminino: Av. Farroupilha, 8001 – São José, Canoas, na Capela da Ulbra e prédio 55 (Educação Física), das 7h às 21h30.

Instituto Geração Tricolor

Desde 2010, o IGT oferece o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças e adolescentes de 6 a 18 anos em condições de vulnerabilidade social.

 

Imagem destaque: Lucas Uebel/ GFBPA

Gabriel Borba

Jornalista, pós-graduado em Jornalismo Esportivo e setorista do Grêmio (@gborba05).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo