Últimas Notícias do Grêmio

Imagem: Situação do gramado da Arena do Grêmio assusta após a água baixar

Pela primeira vez é possível ver todo o campo sem as aguas das enchentes

Últimas do Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/ GFBPA

Danos da enchente revelam cenário desolador na Arena do Grêmio

Nos últimos dias, a água na Arena do Grêmio começou a baixar, revelando um cenário devastador. A imagem mais recente é chocante: pela primeira vez, vemos parte do campo sem água, mas sem gramado. As inundações deixaram uma marca profunda no estádio e os danos são visíveis a olho nu.

Leia mais:

Prioridade: Grêmio já sabe o que ainda procura na janela de transferências

Grêmio contabiliza prejuízos causados pelas enchentes: “Isso muda todo o planejamento”

As imagens que apertam os corações dos Gremistas

O campo, que normalmente é palco de jogadas incríveis e de disputas acirradas, está irreconhecível. A enchente danificou completamente o gramado, e será necessário um esforço grandioso para recuperar a superfície de jogo. A arquibancada onde a torcida da Geral do Grêmio costuma vibrar intensamente durante os jogos também foi duramente afetada. Marcas d’água são visíveis nas estruturas, indicando que uma avaliação cuidadosa e reparos significativos serão necessários antes que os torcedores possam retornar em segurança.

As áreas internas do estádio ainda enfrentam os efeitos da enchente. Vestiários, zona mista, elevadores e o estacionamento permanecem alagados. O panorama dentro da Arena é de destruição e caos. Além dos danos físicos dentro do estádio, há um acúmulo de lixo, animais mortos e um forte odor, testemunhos da força brutal da inundação pelo lado de fora da Arena.

A administração da Arena está trabalhando para lidar com esses danos, mas ainda não há um prazo definido para a reabertura do estádio. A prioridade no momento é garantir a segurança de todos e iniciar as obras de recuperação o mais rápido possível.

 

Imagem destaque: Reprodução/ Grêmio TV

Natalia Fontoura

@natifontouraf Repórter, redatora e setorista do Grêmio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo