Últimas Notícias do GrêmioJogadores

Como estão os jogadores da base do Grêmio negociados na atual temporada?

Adriel Goleiro Renato Portaluppi
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Como estão os jovens jogadores do Grêmio que foram emprestados?

A categoria de base do Grêmio continua a revelar talentos que buscam destaque no cenário futebolístico. Entretanto, muitos desses jovens são emprestados ou negociados antes de receberem uma oportunidade no time principal. Em 2023, diversos jogadores formados nas categorias de base do Tricolor Gaúcho foram negociados, e suas trajetórias pós-transferência revelam diferentes destinos.

Leia mais:

BOMBA: Grêmio encaminha acerto com primeiro ‘reforço’ para 2024

É oficial: Grêmio busca 5 reforços nesta janela de transferências

Brenno, conhecido por suas atuações notáveis, foi emprestado ao Bari, da Itália, até julho de 2024, com opção de compra fixada em 2 milhões de euros. Atuando como titular na segunda divisão italiana, o goleiro já disputou 13 jogos, mantendo sua performance consistente.

Adriel, outro goleiro talentoso, foi emprestado ao Bahia, com opção de compra que pode render US$ 3,5 milhões aos cofres gremistas. Até o momento, Adriel aguarda sua estreia na meta tricolor.

Os laterais-direitos Thomas Luciano e Lucas Kawan foram vendidos para clubes portugueses, Gil Vicente e Santa Clara, respectivamente. Ambos estão jogando pelos times sub-23, ganhando experiência e mostrando seu potencial. Mateus Sarará, volante com passagem pelo Avaí, foi vendido ao Santa Clara, também está em Portugal, onde atua pelo sub-23 após empréstimo ao Trofense, da terceira divisão.

O centroavante Pedro Clemente foi vendido para o Torrense, de Portugal, jogando no sub-23 e marcando um gol em sua única partida até o momento. Já o meia-atacante Kauan Kelvin foi vendido para o Braga, acumulando quase 500 minutos e dois gols pelo Braga Sub-23.

O atacante Zinho, emprestado ao Portimonense, busca sua afirmação no cenário europeu, tendo estreado pelo Grêmio em 2023, com 17 partidas pela equipe principal e agora mais sete jogos pelo clube português.

As trajetórias desses jovens revelam a diversidade de caminhos após saírem da base do Imortal, destacando a importância de empréstimos e transferências para o desenvolvimento de suas carreiras.

Imagem destaque: Lucas Uebel/Grêmio

Fabíola Thiele

Repórter, comentarista, redatora e gremista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo