Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

MPF abre investigação sobre expressão racista de narrador da Rádio Grenal

Haroldo de Souza tentou justificar o termo usado durante a transmissão da partida contra o Peixe

- Publicidade -

O narrador da Rádio Grenal, Haroldo de Souza, chamou o jogador do Santos, Lucas Braga, de “crioulinho”. O fato aconteceu durante o empate por 3 a 3, na tarde da quarta-feira. Narrador afirma que ‘não houve intenção de racismo’. Agora, de acordo com o G1, o procurador regional dos Direitos do Cidadão Enrico Rodrigues de Freitas, do Ministério Público Federal (MPF), instaurou na quinta-feira (4) um procedimento para apurar a responsabilidade sobre o uso da expressão de cunho racista.

É provável que você também goste:

Renato Portaluppi vai renovar com o Grêmio, diz jornalista

Torcida do Grêmio poderá voltar à Arena no início do Gauchão 2021

Gremistas apoiam uma possível volta de Everton Cebolinha

- Publicidade -

MPF abre investigação sobre expressão racista de narrador da Rádio Grenal

O MPF mandou ofícios à Rádio Grenal e ao narrador solicitando manifestação sobre o episódio. De acordo com o procurador, o objetivo é obter informações preliminares para instruir o procedimento.

A Rádio Grenal informou que “ainda não tomou conhecimento oficialmente sobre o tema”.

Entenda o caso:

- Publicidade -

“Aquele crioulinho que está lá na ponta esquerda do time do Santos, quem é ele?”, disse Haroldo, quando foi informado pelo repórter que se tratava de Lucas Braga.

Em seguida, o narrador mandou outra fala polêmica:

“Ah, o Lucas Braga que está caído lá. É o moreno, né? Moreno, cidadão de cor, numa boa”, disse o narrador da Rádio Grenal.

Narrador da Radio Grenal se defendeu

- Publicidade -

O narrador da Rádio Grenal pediu desculpas aos seus ouvintes e reforçou que a sua fala não teve a intensão de ofender Lucas Braga.

“Sou filho de negro-nego Benê. Sou casado com uma mulher da raça negra. Fui criado em meio aos negros. Criei uma escola de samba com todos integrantes negros, só dois brancos e um sarará. Narrando futebol há 58 anos, muitas vezes disse:

‘Quem é aquele neguinho lá na ponta?’

‘Quem é aquele alemão ali no meio?’

- Publicidade -

‘E esse polaco aí quem é?’”

A Rádio Grenal também emitiu um comunicado:

O Santos emitiu uma nota, destacando que isso não é algo esperado em 2021:

- Publicidade -

O Santos FC não vem por meio desta apenas lamentar ou repudiar os termos racistas utilizados pelo narrador Haroldo de Souza, da Rádio Grenal.

Não cabem mais lamentos ou notas de repúdio sobre racismo em pleno 2021. Cabe ação e mobilização.

O Clube, através de seu Departamento Jurídico, tomará medidas cabíveis, da mesma maneira esperamos uma reação efetiva do veículo de comunicação empregador desse senhor e da própria comunidade que compõe a audiência de tal rádio.

É no silêncio, na omissão, na relativização frente ao preconceito que o racismo cresce silenciosamente e se estabelece de forma estrutural em nossa sociedade.

- Publicidade -

Basta de tolerância com racismo! Basta!

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Foto: Reprodução/Globo Esporte

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter
Assine nossa Newsletter e fique por dentro das últimas notícias do Gremio
Você pode assinar a nossa newsletter a qualquer momento

- Publicidade -

Comentários
Carregando...