JogadoresÚltimas Notícias do Grêmio

“Não sou herói”, diz Diego Costa após vitória do Grêmio na Libertadores

Jogador do Grêmio destaca humildade e solidariedade em meio à tragédia das enchentes no Rio Grande do Sul

Grêmio Diego Costa
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Diego Costa ressalta que não foi herói, apenas queria ajudar

Diego Costa, uma das estrelas do Grêmio, mostrou que seu talento vai além das quatro linhas. Em um gesto de solidariedade que emocionou a todos, o atacante se destacou como voluntário durante as enchentes que devastaram o Rio Grande do Sul. Ele não só ajudou a resgatar pessoas, mas também foi visto várias vezes distribuindo lanches e água para quem estava desabrigado. Além disso, Diego abriu sua casa para abrigar jogadores da base e moradores de Eldorado atingidos pela tragédia.

‘É o básico da vida’

Na noite de ontem, o Tricolor voltou aos gramados pela Libertadores e, inevitavelmente, Diego Costa foi questionado sobre seus atos de bondade. Sempre humilde, ele minimizou sua participação.

— Eu particularmente não vejo nada além do normal. Estamos aqui para ajudar o próximo. Acho que me colocar como herói não me cabe, porque eu acho que, na vida, a gente está aqui para poder ajudar o próximo. Naquele momento, eu acho que não foi questão de querer ser herói, nem nada, eu estava ali pra poder ajudar. E num momento como esse, não tem nem o que pensar. É o básico da vida — explicou.

Leia mais:

Últimas do Grêmio: Rodrigo Caio chega ao RS, Tricolor retorna aos gramados, clube busca repatriar volante e mais 

Kannemann revela atitude especial do elenco do Grêmio para os funcionários atingidos pelas enchentes no RS

Diego também refletiu sobre a volta aos gramados, destacando a diferença entre sua realidade e a das vítimas das enchentes.

— Eu me ponho na posição de que temos o privilégio, porque nós estamos fazendo o que nós amamos. Nós jogadores somos as pessoas menos afetadas.

 

Imagem destaque: Lucas Uebel/ GFBPA

Natalia Fontoura

@natifontouraf Repórter, redatora e setorista do Grêmio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo