Os 5 maiores zagueiros da história do Grêmio

Na história do Grêmio, houveram muitos zagueiros que se destacaram defendendo a linha de defesa tricolor. Contudo, as alguns deles, tiveram maior destaque marcando os atacantes adversários, evitando chutes a gol, participando de recordes, marcando até mesmo gols importantes e principalmente conquistando títulos de grande expressão. Mais abaixo separamos uma lista que você pode conferir os 5 maiores zagueiros da história do Grêmio.

É provável que você também goste:

As 10 contratações do Grêmio mais caras da história

Os 5 maiores técnicos do Grêmio ao longo de sua história

Os 4 maiores artilheiros do Grêmio na história dos GreNais

5 Maiores zagueiros da história do Grêmio

Hugo de León

O uruguaio Hugo Eduardo de León Rodríguez, conhecido como Hugo de León, é considerado o maior zagueiro da história do Grêmio. Chegou ao Tricolor Gaúcho em 1981 e no seu primeiro ano pela equipe já conquistou o Campeonato Brasileiro e em 1982 ficou com o vice campeonato Brasileiro. No ano de 1983 foi um dos grandes destaques nas conquistas da Copa Libertadores da América e do Mundial de Clubes. Com suas atuações grandiosas virou ídolo da torcida gremista. Pelo Grêmio, Hugo de León participou de 242 partidas, sendo 127 vitorias, 71 empates e 44 derrotas. Sua imagem erguendo a taça da Copa Libertadores da América de 1983 enquanto sua cabeça sangrava, entrou para a história.

de leon

Adílson Batista

Adílson Dias Batista, conhecido como Adílson, ficou conhecido por sua liderança dentro de campo. Chegou ao Grêmio em 1995, conquistou o Campeonato Gaúcho e a Copa Libertadores da América naquele ano. Por essa conquista ganhou o apelido de capitão América. Em 1996 ganhou novamente o Campeonato Gaúcho, mas também ganhou a Recopa Sul-americana e o Campeonato Brasileiro. Pelo Grêmio, Adílson Batista participou de 113 partidas, sendo 63 vitorias, 26 empates e 24 derrotas. Adílson retornou ao Grêmio como treinador, mas não teve muito destaque como na época de jogador.

adilson

Mauro Galvão

Mauro Geraldo Galvão, conhecido como Mauro Galvão, era um zagueiro que tinha muito vigor físico e espirito de liderança. Torcedor gremista desde criança, teve a oportunidade de realizar seu sonho de jogar pelo Grêmio em 1996. Conquistou em sua primeira passagem pelo Grêmio o Campeonato Gaúcho (1996), Recopa Sul-americana (1996), Campeonato Brasileiro (1996) e a Copa do Brasil de (1997). Em 2001, já com 39 anos, retornou ao Tricolor Gaúcho, conquistou o Campeonato Gaúcho (2001) e Copa do Brasil (2001). Mauro Galvão se aposentou em 2002 com 40 anos. Pelo Grêmio, Mauro Galvão participou de 126 partidas, sendo 71 vitorias, 29 empates e 26 derrotas.

mauro galvão

Pedro Geromel

Pedro Tonon Geromel, conhecido como Pedro Geromel ou somente Geromel. O zagueiro era desconhecido e nunca tinha atuado profissionalmente no Brasil, até que foi contratado pelo Grêmio no final de 2013. Geromel, logo que chegou tomou conta da zaga do Grêmio e se tornou peça fundamental na equipe. A partir de 2016 com a chegada do argentino Kannemann, os dois formaram a melhor dupla de zaga do Brasil, conquistando muitos títulos, como a Copa do Brasil (2016), a Copa Libertadores da América (2017) na qual Geromel foi o capitão da equipe, Recopa Sul-americana (2018) e 2 campeonatos Gaúchos (2018 e 2019). Pedro Geromel, até o momento pelo Grêmio disputou 272 partidas, sendo 152 vitorias, 64 empates e 56 derrotas.

maiores zagueiros do Grêmio

Airton Pavilhão

Aírton Ferreira da Silva, conhecido como Aírton Pavilhão, é considerado um dos maiores jogadores do Grêmio e do futebol gaúcho, está eternizado na calçada da fama gremista. Chegou ao Grêmio em agosto de 1954, era um jogador de muita técnica e toques refinados. Conquistou 19 títulos oficiais pelo Grêmio, sendo 1 Campeonato Sul-Brasileiro (1962), 11 Campeonatos Gaúchos (1956, 1957, 1958, 1959, 1960, 1962, 1963, 1964, 1965, 1966 e 1967.) e 7 Campeonatos Citadino de Porto Alegre (1956, 1957, 1958, 1959, 1960, 1964 e 1965). Aírton Pavilhão, disputou 601 partidas pelo Grêmio, sendo 424 vitorias, 97 empates e 80 derrotas. Uma curiosidade sobre Aírton Pavilhão é que em uma partida contra o Santos, ele anulou Pelé e ainda aplicou um chapeuzinho no atleta santista.

maiores zagueiros do Grêmio

Então, o que achou dessa lista?

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem Destaque: Reprodução/GaúchaZH