Últimas Notícias do GrêmioCampeonatoJogos

Como os auxiliares de Renato Portaluppi se saíram ao substituir o treinador na casamata do Grêmio?

A reportagem do Portal do Gremista buscou os números

Os auxiliares de Renato Portaluppi Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

O retrospecto dos auxiliares de Renato Portaluppi na beira do campo

Na próxima quarta-feira (14), o Grêmio do técnico Renato Portaluppi enfrenta o Ypiranga no Colosso da Lagoa, às 19h, pela 8ª rodada do Gauchão 2024. Por outro lado, sem a presença do comandante na beira do campo e sem os titulares, pela distância da viagem até a cidade de Erechim, 370 km.

Leia mais: 

“O melhor técnico da minha carreira”, revela Pepê sobre Renato Portaluppi

Por que Diego Costa topou o desafio de jogar no Grêmio?

Conforme apurou a reportagem do Portal do Gremista, o retrospecto geral do Tricolor quando precisou de auxiliares do ídolo é negativo, levando em conta todas as suas passagens do ídolo. Ao todo, foram 28 jogos disputados, com sete vitórias, sete empates e 14 derrotas, 33,3% de aproveitamento.

Com Roger Machado, foi apenas um jogo, no clássico GreNal da primeira fase Taça Piratini do Gauchão 2011. Na ocasião, a partida aconteceu em Rivera, no Uruguai, com vitória gremista por 2 a 1 de virada, com gols de Bruno Colaço e Lins.

Já com James Freitas, foram duas derrotas, no Brasileirão 2016, utilizando equipe reservas, por conta da Copa do Brasil. Outro nome foi Felipe Endres, também em dois confrontos, na extinta Primeira Liga 2017, em um empate com o Ceará na fase de grupos e uma derrota para o Cruzeiro no mata-mata.

O técnico César Bueno também já esteve na beira do campo comandando o Imortal, no começo do Gauchão 2018. Na época, com reservas e jovens, o time teve um início bem complicado no estadual, com várias derrotas, até se recuperar e conquistar o título.

Victor Hugo Signorelli também já teve a missão de entrar no lugar de Renato, duas vezes no Campeonato Gaúcho 2019 e uma vez no Campeonato Brasileiro do mesmo ano. Já Thiago Gomes, uma vez, na derrota para o Pelotas nos pênaltis, na decisão da Recopa Gaúcha de 2020. César Lopes foi outro nome que recebeu uma chance, vencendo o Vila Nova na Série B, por 2 a 1.

O atual substituto e fiel escudeiro de Renato no Grêmio

Alexandre Mendes, que irá substituir Portaluppi contra o Ypiranga, já esteve na casamata do Tricolor Gaúcho 12 vezes. Ao todo, foram quatro vitórias, três empates e cinco derrotas, com destaque para o triunfo sobre o Cruzeiro no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil 2016 em que o ídolo estava suspenso.

Imagem destaque: Gustavo Langer/Portal do Gremista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo