- Publicidade -
Início Campeonato Saiba porque o Grêmio não quer o GreNal no dia 23 de...

Saiba porque o Grêmio não quer o GreNal no dia 23 de julho

Grêmio não quer o GreNal
- Publicidade -

Logo que o retorno do Gauchão foi anunciado para o dia 23 de julho, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr mostrou desconforto que a primeira partida da retomada seja o GreNal. A partida será disputada no Estádio Beira-Rio, mas conforme o dirigente, o tricolor gaúcho que mudar a data do clássico. Mais abaixo você confere porque o Grêmio não quer o GreNal no dia 23 de julho.

É provável que você também goste:

Conmebol bate o martelo sobre a data de retorno da Libertadores 2020

Grêmio deve receber mais de R$ 100 mil com venda de goleiro

- Publicidade -

Empréstimo de Dudu é confirmado, saiba quanto o Grêmio pode receber

Confira a tabela completa de jogos do Grêmio no Brasileirão 2020

Saiba porque o Grêmio não quer o GreNal no dia 23 de julho

Segundo Romildo em entrevista ao jornalista Thaigor Janke, da Band, três fatores justificam a negativa do Grêmio para que a partida ocorra no próximo dia 23. Primeiramente, Romildo acha que os times estarão com melhor preparo físico se o clássico for colocado mais para frente. Em segundo lugar, o di 23 de julho cai em uma quinta-feira, ou seja, sem transmissão televisiva e com menor visibilidade. Desta forma, seria melhor em um domingo. Por fim, Romildo diz que prefere que o GreNal se dê em um momento mais decisivo do campeonato.

Entretanto, essa mudança de data só ocorrerá se o Internacional também concordar. Se o Inter rejeitar a mudança, o tricolor gaúcho diz que jogará normalmente no dia 23 de julho, como foi estipulado pela FGF.

A princípio, a data oficial para ocorrer a partida segue sendo no dia 23 de julho e será o primeiro jogo da retomada do Gauchão 2020.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

- Publicidade -