presidente do inter causa polêmica

Grêmio e Internacional deverão voltar aos treinamentos na próxima segunda-feira (04), após a autorização da Prefeitura de Porto Alegre por meio de um novo decreto. Porém, todas as medidas de segurança deverão ser tomadas por conta da pandemia do novo coronavírus. Em meia a isso, agora o presidente do Inter causa polêmica em entrevista à Rádio Guaíba. o Assunto era sobre o retorno dos jogadores aos treinamentos em meio à pandemia.

É provável que você também goste:

Confira a situação dos jogadores que estão encostados no Grêmio

Confira 5 celebridades que torcem para o Grêmio e você não sabia

Será que Marcelo Grohe pode ser devolvido ao Grêmio?

Presidente do Inter causa polêmica: ”Jogador que não quiser jogar, ele pede demissão”

Abaixo você confere o trecho polêmico da entrevista do mandatário colorado:

”No decreto da prefeitura, está liberada a volta de profissionais liberais, escritórios de advocacia, de contabilidade. Semana passada liberaram a indústria e a construção civil. Eu tenho certeza que todo mundo quer trabalhar. Um dos problemas que enfrentamos é a questão econômica e muita gente está perdendo o emprego. Eu acho que o jogador que não quiser jogar, ele pede demissão. Pois se for aberta a possibilidade de o futebol voltar, ele vai cumprir o contrato que ele assinou.”

Após receber milhares de críticas, o dirigente tentou se retratar no Twitter:

Lembrando que o presidente colorado, assim como o presidente gremista, Romildo Bolzan Jr, tiveram Covid-19 mas já se curaram da doença.

Então, o que achou da atitude do presidente do nosso rival?

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre o nosso Imortal Tricolor.

Imagem: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Deixe um comentário