Últimas Notícias do Grêmio

Renato bate o martelo e expõe o que atrapalhou a preparação do Grêmio para encarar o Bragantino

Renato Portaluppi Grêmio
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Renato expõe o que atrapalhou a preparação do Grêmio

O Grêmio foi derrotado por 2 a 0 pelo Red Bull Bragantino, na noite da última quinta-feira (14), no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A de 2023. Com o resultado, o Imortal desperdiçou a chance de assumir a vice-liderança e ainda pode perder posição, caso o Fluminense vença o clássico contra o Vasco, no sábado (16), no Engenhão.

Leia mais:

Grêmio aceita vender Cristaldo ao Palmeiras com apenas UMA condição; confira

Dois jovens do Sub-20 do Grêmio disputam a vaga de Bitello; entenda

Logo após a partida no interior paulista, o técnico Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva e afirmou que a grande barreira enfrentada pelo Tricolor na preparação para enfrentar o Red Bull Bragantino foi a questão climática.

A chuva atrapalhou os trabalhos da semana. Os gramados estavam muito alagados e tivemos que ficar a maior parte na academia. Talvez por isso não desempenhamos um bom futebol. Até peço desculpas para o torcedor“, disse o treinador.

Além disso, Renato, que voltou a escalar o Grêmio com a presença de três volantes no setor de meio de campo, lamentou não ter contado com dois de seus titulares durante a pausa da Data FIFA. O uruguaio Felipe Carballo e o paraguaio Mathías Villasanti foram convocados e estiveram à serviço de suas seleções nacionais nas rodadas iniciais das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026.

Últimos quatro dias não pudemos fazer nenhum trabalho técnico, por isso hoje o tripé de volantes não funcionou. Nos outros jogos deu certo e vencemos. Nessa semana não conseguimos trabalhar direito por ter os jogadores do meio-campo nas seleções deles“, completou.

Bruno Loreto

Jornalista formado pela UNISC, de Santa Cruz do Sul, com pós-graduação em Jornalismo em Base de Dados pela Uninter, apaixonado por futebol e, principalmente, pelo Grêmio. Fanático pelo Tricolor há 27 anos.
Botão Voltar ao topo