CampeonatoÚltimas Notícias do Grêmio

Sem Arena, Grêmio define plano A para sediar as oitavas da Libertadores

Incertezas cercam obras na Arena e novo plano é realizado

grenal couto pereira brasileirão grêmio hoje torcida
Imagem: JP Pacheco/ Coritiba

Grêmio busca alternativas para jogos da Libertadores

O Grêmio está focado em encontrar um lar temporário para o jogo decisivo das oitavas de final da Libertadores contra o Fluminense, agendado para 13 de agosto. Embora a preferência fosse disputar na Arena, as obras de recuperação do estádio ainda são uma incógnita, o que obrigou o clube a buscar alternativas. Nos bastidores, a falta de informações concretas sobre o andamento das reformas e o prazo de liberação da Arena Porto-Alegrense está pesando na decisão.

Para os confrontos do Brasileirão, o Tricolor optou por Caxias do Sul como base provisória. No entanto, na Libertadores, essa alternativa não se aplica, pois tanto o Estádio Centenário quanto o Alfredo Jaconi não atendem à exigência da Conmebol de uma capacidade mínima de 20 mil torcedores para os mata-matas. Diante disso, a direção gremista trabalha com duas opções principais: o Estádio Couto Pereira, do Coritiba, hoje considerado o plano A, e a própria Arena, que se tornou o plano B devido às incertezas.

leia mais

Grêmio: Tudo o que Geromel falou em sua coletiva de imprensa

Valor do ingresso visitante para Juventude x Grêmio deixa torcida gremista na bronca

Prazo para voltar a Arena segue indefinido

O prazo para confirmar o local do jogo ainda é considerável, mas a Conmebol costuma realizar vistorias nos estádios previamente. Portanto, há uma certa urgência em definir o local. Enquanto isso, nas redes sociais, a Arena Porto-Alegrense exibe os progressos das obras, destacando a troca completa do gramado, que ficou submerso por mais de 20 dias. O maior desafio, contudo, é o restabelecimento da energia elétrica, já que a subestação do estádio foi totalmente inundada.

Nos bastidores, a gestora da Arena mostra otimismo em concluir os reparos até o fim de julho ou início de agosto. O Grêmio, por sua vez, afirma não ter recebido informações ou garantias suficientes, o que alimenta a cautela do clube em considerar o Couto Pereira como a principal opção para o importante duelo contra o Fluminense.

 

Imagem destaque: Fabíola Thiele/ Portal do Gremista

Natalia Fontoura

@natifontouraf Repórter, redatora e setorista do Grêmio.

3 Comentários

  1. Conforme consta o Centenário de Caxias do Sul tem a capacidade para 22.132 pessoas …ou seja talvez o Grêmio não queira fazer o jogo aqui …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo