CampeonatoÚltimas Notícias do Grêmio

CBF bate o martelo e decreta novos valores de premiação para a Copa do Brasil; como isso afeta o Grêmio?

Grêmio, Flamengo e mais: CBF bate o martelo e divulga a tabela básica da Copa do Brasil
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Premiações da Copa do Brasil são divulgadas e Grêmio pode levar bom dinheiro

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou a atualização dos valores das cotas de participação para a edição de 2024 da Copa do Brasil. As quantias, que passaram por ajustes, refletem uma consideração sobre a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O reajuste aplicado pela CBF foi de 5%, em comparação com as cotas do ano anterior, sendo que a porcentagem correspondente ao IPCA foi de 4.62%.

É importante destacar que a Copa do Brasil possui um formato peculiar, com diferentes fases e sistemas de disputa. Na primeira fase, os confrontos são decididos em jogo único, enquanto a terceira fase introduz embates de ida e volta. Essa mudança no formato ocorre justamente quando o Grêmio inicia sua trajetória no torneio.

Leia mais: 

Torcida do Grêmio relata problema antigo na Arena e dor de cabeça segue a mesma

CBF bate o martelo e decreta novos valores de premiação para a Copa do Brasil; como isso afeta o Grêmio?

Logo na primeira rodada do Tricolor, estima-se que o Grêmio possa angariar uma quantia de R$ 2,1 milhões. Os montantes relacionados à premiação da Copa do Brasil ressaltam não somente a grandiosidade deste torneio, mas também o potencial para impulsionar os recursos financeiros dos clubes. O Imortal, renomado por sua tradição e histórico vitorioso com cinco conquistas na competição, enxerga a oportunidade não apenas de alcançar o sexto título, mas também de consolidar sua situação econômica através das recompensas.

Confira os valores das premiações

  • 1ª fase: R$ 1,4 milhão (a clubes da Série A); R$ 1,25 milhão (Série B) e R$ 750 mil (outros)
  • 2ª fase: R$ 1,7 milhão (Série A); R$ 1,4 milhão (Série B); R$ 900 mil (outros)
  • 3ª fase: R$ 2,1 milhões
  • Oitavas de final: R$ 3,3 milhões
  • Quartas de final: R$ 4,3 milhões
  • Semifinal: R$ 9 milhões
  • Vice-campeão: R$ 30 milhões
  • Campeão: R$ 70 milhões

As datas da Copa do Brasil

  • 1ª  fase: 21 ou 28 de fevereiro;
  • 2ª fase: 6 ou 13 de março;
  • 3ª fase: 1º ou 22 de maio;
  • Oitavas de final: 31 de julho ou 7 de agosto;
  • Quartas de final: 28 de agosto ou 12 de setembro;
  • Semifinais: 2 ou 17 de outubro;
  • Final: 3 ou 10 novembro.

Imagem em destaque: Lucas Uebel/ Grêmio

Gabriel Borba

Jornalista, pós-graduado em Jornalismo Esportivo e setorista do Grêmio (@gborba05).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo