Portal do Gremista
Confira as últimas notícias sobre o Grêmio, como jogos, contratações, vendas, rumores, e tudo que você precisa saber sobre o tricolor gaúcho.

- Publicidade -

Se estivesse vivo, histórico ex-zagueiro do Grêmio estaria completando 134 anos

0

- Publicidade -

Principal defensor do Grêmio na primeira década de existência do Tricolor, o alemão Bruno Arnold Schuback nascia há exatos 134 anos na Alemanha, na cidade de Hamburgo — curiosamente o adversário do clube gaúcho na final do Mundial de 1983. Tendo atuado como jogador do Imortal de 1911 até 1913, Schuback compôs neste período uma lendária dupla de zaga com o também hamburguês Mohrdieck.

Não se tem notícias do motivo da vinda do ex-atleta gremista para o Brasil, mas o alemão já possuía parentes morando no Rio de Janeiro antes da sua chegada à América do Sul. Vale ressaltar que o ex-zagueiro era primo do brasileiro Walter Andreas Schuback, um dos fundadores do Fluminense junto com Edwin Horácio Cox, que atuava como jogador no clube carioca.

- Publicidade -

Inclusive, algumas fontes indicam que Bruno Schuback chegou a atuar pelo Tricolor Carioca em poucas partidas, mas não há documentos que provem tal fato. No final de 1910, após receber uma proposta do Banco da Província, Edwin Cox mudou-se para Porto Alegre junto com o seu amigo Bruno Schuback, que buscava oportunidades no esporte.

Dupla ajudou a construir a história do Grêmio

Chegando na capital do Rio Grande do Sul, ambos passaram a jogar futebol com a camisa do Grêmio, criando um grande legado no clube gaúcho. Vivendo em Porto Alegre, o alemão chegou a casar-se com a filha de um então sócio gremista da época. Devido ao casamento, Schuback veio a tornar-se cunhado do colega de time Carlos Oscar Mostardeiro, que também construiu uma história no Tricolor como jogador de futebol.

Pelo Grêmio, Bruno Schuback realizou 45 partidas, marcando dois gols. Além disso, como atleta, conquistou o Campeonato Citadino de Porto Alegre em três ocasiões: 1911, 1912 e 1913. No ano de 1912, o alemão também esteve presente na equipe campeã do Troféu Wanderpreis.

- Publicidade -

Curiosamente, o ex-jogador também assumiu o Imortal como técnico, a partir de 1914. Comandando o Tricolor até 1915, Schuback conquistou mais dois torneios citadinos.

Comentários do Facebook

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia Mais

script async type='text/javascript' src='//s.clickiocdn.com/t/221287/360_light.js'>
CAMISA DO TRICOLOR GAÚCHO É ELEITA UMA DAS MAIS BONITAS DO BRASIL TENHA UMA SEXTA-FEIRA BEM INFORMADA COM ESSAS NOTÍCIAS DO GRÊMIO GURIAS DO GRÊMIO EMBARCAM PARA SÃO PAULO PARA JOGO CONTRA PALMEIRAS GRÊMIO CONTA COM AO MENOS 3 JOGADORES QUE JÁ VENCERAM O CRUZEIRO 5 MATÉRIAS DO GRÊMIO PARA INICIAR A QUINTA-FEIRA BEM INFORMADO